#didelphidae

Instagram photos and videos

#didelphidae#didelphis#opossum#nature#marsupiais#preservação#projetomarsupiais#ultimosrefugios#conservação#didelphismarsupialis#possum#wildlife#marsupial#marsupialia#cuícas#sementes#dispersores#frutos#frugívoros#onívoros#repost#animal#zarigüeya#didelphimorphia#comadreja#mammal#biodiversity#didelphisvirginiana

Hashtags #didelphidae for Instagram

by @keucost

@Regran_ed from @projetomarsupiais - Você sabia que os marsupiais são grandes dispersores de sementes?
Pois é, a maioria deles são onívoros e eventualmente frugívoros. Os neotropicais consomem uma média de frutos de 34 famílias de plantas.
As espécies que podem ser consideradas frugívoro-onívoro, são principalmente as espécies do gênero Didelphis, os gambás. No entanto as cuícas Gracilinanus agilis e Caluromys sp. são considerados grandes dispersoras de sementes, por seus hábitos arborícolas.
Em períodos de seca existe uma maior procura por frutos, que está relacionado à quantidade de água disponível nesses alimentos.
O processo de dispersão aumenta a probabilidade de germinação das sementes e consequentemente a formação de novos ambientes, contribuindo assim para a manutenção de áreas e preservação das espécies. Na maioria das vezes, quando são consumidas pelos dispersores, as sementes não se desintegram e são encontradas intactas nas fezes. Isso acontece principalmente porque os marsupiais não roem o alimento, assim como fazem os roedores, possibilitando então um papel mais eficaz na dispersão.
Além disso, um segundo ponto muito importante para a efetiva dispersão é o transporte da semente para locais longe da planta-mãe, e já que os marsupiais são conhecidos por terem uma área de vida extensa, conseguem efetivamente cumprir o papel de dispersores. --
Ilustração: Paloma de Souza Martins / Projeto Marsupiais

Ajude-nos a proteger nossos marsupiais! Curta a página e compartilhe nossas publicações.

https://www.instagram.com/projetomarsupiais/
https://www.facebook.com/ultimosrefugios/
https://www.ultimosrefugios.org.br/projetomarsupiais

#Dispersores #sementes #frutos #marsupiais #didelphidae #cuícas #ultimosrefugios #conservação #frugívoros #onívoros #projetomarsupiais #preservação - #regrann


0

by @keucostaii

@Regran_ed from @projetomarsupiais - Você sabia que os marsupiais são grandes dispersores de sementes?
Pois é, a maioria deles são onívoros e eventualmente frugívoros. Os neotropicais consomem uma média de frutos de 34 famílias de plantas.
As espécies que podem ser consideradas frugívoro-onívoro, são principalmente as espécies do gênero Didelphis, os gambás. No entanto as cuícas Gracilinanus agilis e Caluromys sp. são considerados grandes dispersoras de sementes, por seus hábitos arborícolas.
Em períodos de seca existe uma maior procura por frutos, que está relacionado à quantidade de água disponível nesses alimentos.
O processo de dispersão aumenta a probabilidade de germinação das sementes e consequentemente a formação de novos ambientes, contribuindo assim para a manutenção de áreas e preservação das espécies. Na maioria das vezes, quando são consumidas pelos dispersores, as sementes não se desintegram e são encontradas intactas nas fezes. Isso acontece principalmente porque os marsupiais não roem o alimento, assim como fazem os roedores, possibilitando então um papel mais eficaz na dispersão.
Além disso, um segundo ponto muito importante para a efetiva dispersão é o transporte da semente para locais longe da planta-mãe, e já que os marsupiais são conhecidos por terem uma área de vida extensa, conseguem efetivamente cumprir o papel de dispersores. --
Ilustração: Paloma de Souza Martins / Projeto Marsupiais

Ajude-nos a proteger nossos marsupiais! Curta a página e compartilhe nossas publicações.

https://www.instagram.com/projetomarsupiais/
https://www.facebook.com/ultimosrefugios/
https://www.ultimosrefugios.org.br/projetomarsupiais

#Dispersores #sementes #frutos #marsupiais #didelphidae #cuícas #ultimosrefugios #conservação #frugívoros #onívoros #projetomarsupiais #preservação - #regrann


0

by @laas_ucb

#Repost @projetomarsupiais
• • • • •
Você sabia que os marsupiais são grandes dispersores de sementes?
Pois é, a maioria deles são onívoros e eventualmente frugívoros. Os neotropicais consomem uma média de frutos de 34 famílias de plantas.
As espécies que podem ser consideradas frugívoro-onívoro, são principalmente as espécies do gênero Didelphis, os gambás. No entanto as cuícas Gracilinanus agilis e Caluromys sp. são considerados grandes dispersoras de sementes, por seus hábitos arborícolas.
Em períodos de seca existe uma maior procura por frutos, que está relacionado à quantidade de água disponível nesses alimentos.
O processo de dispersão aumenta a probabilidade de germinação das sementes e consequentemente a formação de novos ambientes, contribuindo assim para a manutenção de áreas e preservação das espécies. Na maioria das vezes, quando são consumidas pelos dispersores, as sementes não se desintegram e são encontradas intactas nas fezes. Isso acontece principalmente porque os marsupiais não roem o alimento, assim como fazem os roedores, possibilitando então um papel mais eficaz na dispersão.
Além disso, um segundo ponto muito importante para a efetiva dispersão é o transporte da semente para locais longe da planta-mãe, e já que os marsupiais são conhecidos por terem uma área de vida extensa, conseguem efetivamente cumprir o papel de dispersores. --
Ilustração: Paloma de Souza Martins / Projeto Marsupiais

Ajude-nos a proteger nossos marsupiais! Curta a página e compartilhe nossas publicações.

https://www.instagram.com/projetomarsupiais/
https://www.facebook.com/ultimosrefugios/
https://www.ultimosrefugios.org.br/projetomarsupiais

#Dispersores #sementes #frutos #marsupiais #didelphidae #cuícas #ultimosrefugios #conservação #frugívoros #onívoros #projetomarsupiais #preservação


0

by @_ninalorentz

💚
#Repost @projetomarsupiais · · · ·

Você sabia que os marsupiais são grandes dispersores de sementes?
Pois é, a maioria deles são onívoros e eventualmente frugívoros. Os neotropicais consomem uma média de frutos de 34 famílias de plantas.
As espécies que podem ser consideradas frugívoro-onívoro, são principalmente as espécies do gênero Didelphis, os gambás. No entanto as cuícas Gracilinanus agilis e Caluromys sp. são considerados grandes dispersoras de sementes, por seus hábitos arborícolas.
Em períodos de seca existe uma maior procura por frutos, que está relacionado à quantidade de água disponível nesses alimentos.
O processo de dispersão aumenta a probabilidade de germinação das sementes e consequentemente a formação de novos ambientes, contribuindo assim para a manutenção de áreas e preservação das espécies. Na maioria das vezes, quando são consumidas pelos dispersores, as sementes não se desintegram e são encontradas intactas nas fezes. Isso acontece principalmente porque os marsupiais não roem o alimento, assim como fazem os roedores, possibilitando então um papel mais eficaz na dispersão.
Além disso, um segundo ponto muito importante para a efetiva dispersão é o transporte da semente para locais longe da planta-mãe, e já que os marsupiais são conhecidos por terem uma área de vida extensa, conseguem efetivamente cumprir o papel de dispersores. --
Ilustração Paloma de Souza Martins / Projeto Marsupiais

Ajude-nos a proteger nossos marsupiais! Curta a página e compartilhe nossas publicações.

https//www.instagram.com/projetomarsupiais/
https//www.facebook.com/ultimosrefugios/
https//www.ultimosrefugios.org.br/projetomarsupiais

#Dispersores #sementes #frutos #marsupiais #didelphidae #cuícas #ultimosrefugios #conservação #frugívoros #onívoros #projetomarsupiais #preservação


0

by @projetomarsupiais

Você sabia que os marsupiais são grandes dispersores de sementes?
Pois é, a maioria deles são onívoros e eventualmente frugívoros. Os neotropicais consomem uma média de frutos de 34 famílias de plantas.
As espécies que podem ser consideradas frugívoro-onívoro, são principalmente as espécies do gênero Didelphis, os gambás. No entanto as cuícas Gracilinanus agilis e Caluromys sp. são considerados grandes dispersoras de sementes, por seus hábitos arborícolas.
Em períodos de seca existe uma maior procura por frutos, que está relacionado à quantidade de água disponível nesses alimentos.
O processo de dispersão aumenta a probabilidade de germinação das sementes e consequentemente a formação de novos ambientes, contribuindo assim para a manutenção de áreas e preservação das espécies. Na maioria das vezes, quando são consumidas pelos dispersores, as sementes não se desintegram e são encontradas intactas nas fezes. Isso acontece principalmente porque os marsupiais não roem o alimento, assim como fazem os roedores, possibilitando então um papel mais eficaz na dispersão.
Além disso, um segundo ponto muito importante para a efetiva dispersão é o transporte da semente para locais longe da planta-mãe, e já que os marsupiais são conhecidos por terem uma área de vida extensa, conseguem efetivamente cumprir o papel de dispersores. --
Ilustração: Paloma de Souza Martins / Projeto Marsupiais

Ajude-nos a proteger nossos marsupiais! Curta a página e compartilhe nossas publicações.

https://www.instagram.com/projetomarsupiais/
https://www.facebook.com/ultimosrefugios/
https://www.ultimosrefugios.org.br/projetomarsupiais

#Dispersores #sementes #frutos #marsupiais #didelphidae #cuícas #ultimosrefugios #conservação #frugívoros #onívoros #projetomarsupiais #preservação


5

by @projetomarsupiais

O Gambá-amazônico (Didelphis imperfecta) é uma espécie de hábitos solitários, noturno e arborícola. Se alimentam principalmente de frutos e insetos. São classificados na categoria de pouco preocupante na lista de espécies ameaçadas da IUCN (2016). O Gambá-amazônico (D. imperfecta) apresenta característica corporal semelhante ao Gambá-de-orelha-branca (D. albiventris), com coloração da pelagem dorsal grisalha e esbranquiçada; coloração da face branca, com uma faixa mediana no rosto, de cor negra. A diferenciação entre as duas espécies ocorre na coloração da orelha, que em D. imperfecta é negra com apenas ¼ branca na região apical, e, em D. albiventris é branca, com uma marca escura ramificada no centro.
Apresenta distribuição restrita ao norte de Roraima no Brasil, estendendo-se ao norte pelo Suriname, Guiana Francesa, Guiana e Venezuela.

Texto: Laiz Pontes Baptista - Projeto Marsupiais
Fotos: Roger Le Guen
Mapa: http://www.iucnredlist.org/

Ajude-nos a proteger nossos marsupiais! Curta a página e compartilhe nossas publicações.

https://www.instagram.com/projetomarsupiais/
https://www.instagram.com/leonardomercon/
https://www.facebook.com/ultimosrefugios/
https://www.ultimosrefugios.org.br/

#Marsupiais #Gambá #amazônico #Didelphis #imperfecta #Didelphidae #conservação #preservação #projetomarsupiais #ultimosrefugios


2

by @noch.print

¡Nuevo diseño!
Les presentamos al tlacuache ratón mexicano Marmosa mexicana. ¡ Esta especie podemos encontrarla en México y Centro América y puedes llevarla en tu playera!!
#ConsumeLocal
#HechoEnMexico
#DeLaNaturalezaATuPlayera
#nature #didelphidae #mammal #biodiversity #Mexico


0

by @conservation.education

A big thank you to Solo the baby skunk and his opossum friends for their scat samples for my DNA barcoding study.
#biology #gradschool #conservation #mephitidae #didelphidae #hoorayforme


0

by @markgilsonic

A visitor on Woodside Ave! This juvenile opossum looked very much out of place sitting in front of the opticians place on my corner, and the proprietor very much wanted to roll down his gate and go home. Not sure if it was injured, but knowing they hang out under the LIRR platform across the street, I went home to get a cat carrier and see if we couldn't get this guy off the busy thoroughfare. Took off running down Woodside Ave when I nudged him with my cane towards the carrier. Okay, not injured. Tried cornering him by the car he was hiding under, eventually he went up in the wheelwell and moments later the driver appeared to move his car. He was nice enough to pop the trunk and let us try to scare him out to no avail. We asked him to drive away slowly, and when he did our guy appeared and took off running. He eventually crossed the street and ran up a tree, which signaled to me that my work was done. He was safe off the street and would no doubt descend when it gets quieter to go on his way. If I had some heavy gloves, I could have grabbed him by his tail. Sudden desire to get certified as a NY state wildlife rehabilitatior. Nice to see so many folks on Woodside Ave concerned for the welfare of our fellow New Yorker. Neat encounter. This has been a great week for urban wildlife!
#NYC #queens #woodside #urbannature #urbannaturelovers #urbannaturalist #fellownewyorker #northamericaslonemarsupial #opossum #possum #didelphidae #didelphismarsupialis

Woodside, New York
4

by @cacaolaazulita

A éste pequeño mamífero se le conoce en Venezuela como "Rabipelado", su nombre científico es Didelphis albiventris, el cual pertenece a la familia Didelphidae. Ésta especie puede llegar a medir entre 45 y 60 cm de largo y pesar más de 2 Kg, con hábitos alimenticios de tipo omnívoro. Es común ver a éste pequeño animalito haciendo vida en los cacaotales. Debemos ser cuidadosos con las prácticas agronómicas que empleamos en la plantación, para no afectar ésta especie y la demás fauna que habita en nuestros bosques de cacao. 🌳
.
.

This small mammal is known in Venezuela as Rabipelado, its scientific name is Didelphis albiventris, which belongs to the Didelphidae family. This species can reach between 45 and 60 cm long and weigh more than 2 kg, with omnivorous eating habits. It is common to see this little animal making life in the cacao plantations. We must be careful with the agronomic practices that we use in the plantation, so as not to affect this species and the other fauna that lives in our cocoa forests. 🌳

#cacao #cacaolaazulita #cocoa #cacaovenezolano #chocolate #chocolatelovers #hechoenvenezuela #elmejorcacaodelmundo #cacaofinodearoma #cocoaplants #cacaoSurdelLago #cacaocriollo #cacaoporcelana #biodiversity #forest #cocoaforest #mammal #Didelphidae #nature

La Azulita, Mérida, Venezuela
2

by @refugio_salvaje

Mirá el video completo en nuestro canal de YouTbe: https://youtu.be/cTJcZz_ez7Y
RESCATES EN ZONAS URBANAS
Hoy aproximadamente a la medianoche recibimos el llamado de un vecino que en los alrededores del Centro de Resistencia (Paraguay y Calle 3), divisó una Comadreja Overa o Zarigüeya (Didelphis albiventris, Fsmilia Didelphidae) en un árbol. Inmediatamente nos dirigimos a esa dirección y dimos con el ejemplar.
Todos los rescates se realizan en conjunto con la Dirección de Fauna y Áreas Naturales Protegidas y al Ministerio de Producción del Chaco. La Fundación Refugio Salvaje es la única institución habilitada en la provincia para realizar los mismos.

Ante la aparición de ejemplares silvestres en zonas urbanas comunicarse con nosotros:
WhatsApp: (0362) 476 6829
Facebook: Fundación Refugio Salvaje
Instagram: Fundación Refugio Salvaje
YouTube: Rafugio Salvaje

#Rescates #Zonas #Urbanas #Didelphis #Albiventris #Comadreja #Overa #Didelphidae #Zarigüeya #Fundación #Refugio #Salvaje


3

by @refugio_salvaje

DEVOLUCIONES
Luego de un estricto control de salud y evolución por parte de nuestro Médico Veterinario, Sebastián Camaño, de la Comadreja Overa o Zarigüeya (Didelphis albiventris, Familia Didelphidae) rescatada la semana pasada, se concluyó que se encontraba en un excelente estado y por lo tanto procedimos a la devolución de la misma en su hábitat natural.
Todos los rescates se realizan en conjunto con la Dirección de Fauna y Áreas Naturales Protegidas y al Ministerio de Producción del Chaco. La Fundación Refugio Salvaje es la única institución habilitada en la provincia para realizar los mismos.

Ante la aparición de ejemplares silvestres en zonas urbanas comunicarse con nosotros:
WhatsApp: (0362) 476 6829
Facebook: Fundación Refugio Salvaje
Instagram: Fundación Refugio Salvaje
YouTube: Rafugio Salvaje

#Rescates #Zonas #Urbanas #Comadreja #Overa #Zarigüeya #Didelphis #Albiventris #Didelphidae #Fundación #Refugio #Salvaje


0

by @sargassum_

Eastern Screech Owl (smallest and most abundant owl around houston) and Opossum at the Greater Houston Environmental Summit
The screech owl was born with an eye defect. #easternscreechowl #opossum #owl #aves #strigiformes #strigidae #megascops #marsupialia #didelphimorphia
#didelphidae #texaswildlifeandscience #texaswidlife #greaterhoustonenvironmentalsummit


3

by @jacksoncleit_fotografia

✔ Mucura, Gambá-comum
✓Didelphis marsupialis (Linnaeus, 1758)
✅Common Opossum, Black-eared Opossum, Southern Opossum

Indivíduo fotografado na Estação Ecológica Maracá-Jipioca, Amapá-AP
------------------------------------
#marsupialia #Didelphidae #mucura #gambá #Didelphis #nationalgeographic #netgeobrasil #netgeo #bbcbrasil #labdibiologia #mamiferos #watchingphotography #amazon #amazonia #amapa #wildlifephotography #canonpowershotsx60

Amapá, Amapa, Brazil
4

by @ergiorelo

Un pequeñito Tlacuache 🤗

Cerro de Tlayapa
4

by @laura.pirateque

Llamados faras, runchos, chuchas o zarigüeyas, estos bellos animales son nocturnos y tienen una dieta variada que incluye invertebrados, frutos, hojas y semillas y pequeños vertebrados.
Zarigüeya orejiblanca andina- Andean white-eared opossum (Didelphis pernigra) 🐾 #opossum #zarigüeya #marsupial #didelphis #didelphidae #mammals #mammalsofinstagram #mammalsofcolombia #naturephotography #wildlifephotography #wildlife #colombianwildlife #animalsofcolombia #mamíferos #mamíferosdecolombia #colombiawild #colombia #paipa #visitsouthamerica #southamerica #naturelovers #magiasalvaje #lamejorcaradecolombia #colombiabio #colombiabiodiversa #travelgrafia #colombia_natural

Boyaca, Colombia
0

by @bichovivoconsultoria

Captura de uma cuíca-graciosa durante atividades de resgate de fauna!
Também conhecida por catita ou guaiquica, é um lindo e carismático marsupial. Tem hábitos arborícolas e algumas adaptações para esse fim, como por exemplo, cauda preênsil e um polegar opositor nas patas posteriores para agarrar nos galhos das árvores.
Quando ameaçada, geralmente foge, mas caso não consiga, infla os pulmões e eriça os pêlos, com intuito de parecer maior. Depois abre a boca e vocaliza, tentando afastar o perigo. Outra estratégia de defesa é a tanatose, na qual o animal se finge de morto, permanecendo imóvel até que o perigo cesse!
#bichovivoconsultoria
#consultoriaveterinária
#consultoriaambiental
#resgatedefauna
#mastozoologia
#mastofauna
#didelphidae
#marsupials
#gracilinanusagilis
#fauna #cerrado
#wildliferescue
#instavet

Minas Gerais
3

by @tropicalbiodiversityofpanama_

Zarigüeya lanuda centroamericana (Caluromys derbianus)
Es una especie de marsupial didelfimorfo de la familia Didelphidae.
Habita las junglas de llanura y montaña hasta 2.460 msnm.
Son animales omnívoros que incluyen en su dieta pequeños vertebrados, invertebrados y fruta, no descartándose que, como otros didélfidos, posean un abanico más amplio de posibilidades.

El comportamiento en estado salvaje de esta especie no está demasiado estudiado, pero los individuos en cautividad muestran una actividad estrictamente nocturna, especialmente en las horas próximas a la puesta y a la salida del sol.
#followme #nature #zarigüeyalanuda #zorra #Panamá #biodiversity #biología#biodiversidad #wildlife #wildlifeplanet #derbianus #fotografia #explore #Didelphidae #photography #photographer #panamabiodiversity #zoologia #faunapanameña #Caluromys #selva #sigueme  #zarigüeyas #zarigueyalanuda  #biology #tropical #mamifero #zarigüeya


8

by @julielynnrasmussen

Traveling Salesman at my Door... 👀

Silver Lake, Los Angeles
1