Galeria Luisa Strina@galerialuisastrina

Sala 1 | Miguel Rio Branco - Maldicidade
Sala 2 | Magdalena Jitrik - El Silencio
05 Junho — 27 Julho 2019

www.galerialuisastrina.com.br/

1,978 posts 45,171 followers 519 following

Galeria Luisa Strina

Carrancaiaque (2015), de Marepe, exposto na coletiva À Nordeste, curadoria de Bitu Cassundé, Clarissa Diniz e Marcelo Campos, em cartaz no Sesc 24 de Maio até 15/9


2

Galeria Luisa Strina

"Na primeira fase, há uma vela em uma redoma e o espaço está cheio de gás. Foi assim que o trabalho foi inicialmente planejado. Era para ser uma grande cúpula lacrada, alimentada por oxigênio, uma vela acesa em um ambiente cheio de gás real, significando gás natural mais T-butil-mercaptano. Para mim, também funciona como o jogo infantil de balançar as pernas sobre a boca de um poço - apenas sentado lá, olhando para baixo. Estava interessado em discutir o problema central da metafísica: ser ou não ser, isto é: aí está você, tem a vela, a sala está impregnada de gás, é como se eu tivesse pendurado o martelo da razão e você, o espectador, tomasse sua decisão. Mas Volátil evoluiu para a segunda fase, de um ambiente impregnado com o cheiro de gás (T-butil-mercaptano), que é usado em conjunto com o gás natural em nossas cozinhas para que saibamos quando há um vazamento de gás. É como se ignorássemos a velocidade e considerássemos apenas o espaço e o tempo. O trabalho, nesta versão, remove o verdadeiro grau de perigo envolvido. Ao mesmo tempo, ganha outro elemento, porque você realmente está se movendo para o reino da alegoria. (...) Para mim a primeira vez que eu andava descalço no talco, foi uma sensação agradável, como andar nas nuvens. Acredito que é uma tentativa de associar sensação e emoção, produzindo um elo quase instantâneo. Também navega por esta região de medo. Eu sempre estive interessado em identificar pequenas coisas, em termos de formatação e expansão delas. Isso é beleza, que também aponta para as insignificâncias da vida." Cildo Meireles, sobre a obra Volátil (1980/1994), atualmente exposta na Fundação Carmignac, na França, na expo coletiva The Source, com curadoria de Chiara Parisi.


4

Galeria Luisa Strina

O trabalho de Thiago Honório intitulado visavisto (2019) é uma resposta à proposta da plataforma @dailytrumpet , tendo sido livremente inspirado no poema e na antologia homônima VIVA VAIA* de Augusto de Campos (1931), que traz consigo uma importante crítica social à época em que foram originalmente publicados, absolutamente atuais ao contexto político brasileiro. Visavisto coloca-se criticamente ante à “política de reciprocidade” entre os atuais governos brasileiro e norte-americano, articulando as palavras “visa” em inglês e “visto” em português. *A antologia reúne poemas escritos entre 1949 e 1979 e foi desenhada pelo artista plástico Julio Plaza (1938-2003). _

Thiago Honório's work entitled visavisto (2019) is a response to the @dailytrumpet platform proposal, having been freely inspired by the poem and the homonymous anthology VIVA VAIA* by Augusto de Campos (1931), which bring with them an important social criticism at the time they were originally published, absolutely current in the Brazilian political context. visavisto places itself critically before the “reciprocity policy” between the current US and Brazilian governments, linking the words “visa” in English and “visto” in Portuguese. *The anthology gathers poems written between 1949 and 1979 and was designed by the visual artist Julio Plaza (1938-2003). #regram @dailytrumpet


9

Galeria Luisa Strina

Renata Lucas em Art Unlimited, Art Basel, no jornal The Art Newspaper


1

Galeria Luisa Strina

HOJE | Manifesto: Art x Agency, exposição coletiva no Hirshhorn Museum and Sculpture Garden, Washington, EUA.


1

Galeria Luisa Strina

AMANHÃ | Abertura de REAL, exposição individual de Marina Saleme no Instituto Figueiredo Ferraz, em Ribeirão Preto, às 16h.


1

Galeria Luisa Strina

Marina Saleme ganha expo monográfica no Instituto Figueiredo Ferraz, em Ribeirão Preto, a partir deste sábado, com palestra da artista às 17h30; a abertura acontece das 16h às 19h30, e a mostra fica em cartaz até 20/7


1

Galeria Luisa Strina

Federico Herrero no lounge para convidados da UBS Art Studio, Art Basel. Visitação aberta das obras de Federico no nosso stand, L25. Esperamos você!


13

Galeria Luisa Strina

Visitação segundo dia do preview da Art | Basel. Booth L25


4

Galeria Luisa Strina

A Art Basel 2019 já começou! Venha conhecer nosso Stand L25, esperamos você!


9

Galeria Luisa Strina

HOJE | Abertura da exposição coletiva Culture and The People: El Museo del Barrio, 1969-2019 no Museo del Barrio, Nova York, EUA.
A mostra conta com obras de Carlos Garaicoa, Alfredo Jaar, Miguel Rio Branco, Magdalena Jitrik. Na foto, detalhe do trabalho Terra Non Descoperta (1991) de Alfredo Jaar.


1

Galeria Luisa Strina

Farsa, obra de Renata Lucas para a Art Unlimited na Art Basel, parceria entre as galerias Luisa Strina, A Gentil Carioca e neugerriemschneider


4